28Dez/12

Vendas online crescem abaixo do previsto para o Natal

As vendas online tiveram alta nominal de 18% no período do Natal em relação ao mesmo período de 2012, segundo a e-bit. O resultado foi inferior ao esperado pela entidade, que esperava crescimento de 25%.

De 15 de novembro a 24 de dezembro, o faturamento do e-commerce atingiu R$ 3,06 bilhões e o tíquete médio foi de R$ 359,00. O número de pedidos foi de 8,5 milhões.

A e-bit indica que a intensa atividade promocional antes do Natal e o alto nível de endividamento como fatores que prejudicaram o desempenho.

A categoria mais comercializada foi “Moda e Acessórios” com 12% do volume de pedidos, pela primeira vez na liderança. “Eletrodomésticos” aparecem em seguida, com 11%, acompanhados por “Saúde, Beleza e Medicamentos” com 10%, “Informática” com 9% e “Casa e Decoração” com 8%.

Segundo dados da Navegg, referência latino-americana pesquisas sobre a audiência online, nos últimos 30 dias 18,93 milhões de internautas no Brasil utilizaram a web para buscar produtos. Desse total, 7,95 milhões pertencem são da nova classe média, ou seja, 42%.

A respeito dos atrasos nas compras online, houve uma piora no índice. No ano passado, 13% dos pedidos foram entregues fora do prazo. Em 2012, foram 18,37%, apesar dos investimentos realizados pelos varejistas e empresas de logística responsáveis pelas entregas.

Com informações de Vanessa Stecanella, da Agência Estado / Adaptação: Equipe FTPI | Negócios em Mídia | Mídia Regional.

Últimas notícias do mercado
Ativação do consumo no varejo cresce no Dia dos Pais Incertezas no cenário político não impediram o aumento de 10% nas vendas online TV está presente em 97% das casas dos brasileiros Online aumenta penetração de mercado, mas mídias tradicionais seguem líderes quando se trata de consumo de notícias Setor nacional de beleza masculina deve superar os EUA Mantendo o ritmo de 7,1% anualmente, o Brasil pode ser o maior mercado do mundo em 2018 60% dos brasileiros acreditam na mídia nacional, diz estudo Pesquisa coloca o Brasil em segundo lugar no índice de confiança do público nos meios de comunicação Mercado nacional de mídia deve crescer 4,6% ao ano até 2021 O segmento deve movimentar US$ 13 bi em publicidade no mundo, segundo a PwC Veja mais
FTPI
FTPI São Paulo (11) 2178-8700
FTPI Brasília (61) 3035-3750
FTPI Rio de Janeiro (21) 3852-1588
FTPI Nordeste (81) 2128-4350
FTPI Belo Horizonte (31) 2105-3609
FTPI Curitiba (41) 3026-4100
FTPI Campinas (19) 3296-6224
FTPI Porto Alegre (51) 3231-5222
Compartilhe
web by Citrus7 2017 | © Todos os direitos reservados