30Mar/11

Redes sociais são mapeadas em estudo no Brasil

Os hábitos e comportamentos dos internautas brasileiros nas redes sociais foram estudados e convertidos em dados para pesquisa pela empresa de análise de mídia E.life. O levantamento foi divulgado com base na observação de 945 entrevistas realizadas no período de novembro de 2010 a janeiro de 2011. Entre outras informações, o resultado revela que 42,5% dos entrevistados dedicam 41 horas ou mais à internet por semana (quase seis horas por dia).

Outra grande elevação foi notada no número de participantes de redes sociais entre os consultados. Em 2009, 49,1% dos participantes da pesquisa eram usuários do Facebook. Na apuração de 2010 este número subiu para 91,3%. Já o Twitter cresceu de 76,2% para 89,1% neste quesito. Destaque também para o Linkedin, rede com fins profissionais, que possuía 21,8% das menções em 2009 e alcançou 47,5% no ano passado.

As atividades mais praticadas na internet são as conversas virtuais em tempo real (registrada por 85,6%) e a administração de perfis em redes sociais (85,1%). Estes dois números são entendidos quando o estudo destaca que 64,2% dos entrevistados dizem acessar os bate-papos online e contas sociais simultaneamente. Também são hábitos comuns dos internautas escrever no Twitter, ler blogs e visualizar fotos (no Flickr, Orkut, Facebook, entre outros).

Pode-se ressaltar ainda o resultado dos acessos à internet via celular. Em 2009, apenas 34,4% dos usuários tinham esse costume. No levantamento de 2010 este valor passou para 44,8% – a terceira maior plataforma para conexão. Os equipamentos mais utilizados para a navegação ainda são os desktops (82,2%), seguidos pelos notebooks.

Dos serviços em que os usuários possuem conta, aqueles mencionados como mais utilizados foram o Twitter (74%), o Facebook (63%), o MSN (48,4%), o Orkut (34,1%) e o Youtube (12%).

Últimas notícias do mercado
Planejamento de mídia sem fronteiras entre online e off-line Veículos multiplataforma mudam a maneira de pensar o planejamento e compra de mídia em todo o País OOH investe em dados para aumentar sua credibilidade Setor de mídia out of home foi o que mais cresceu neste ano e investe em dados para aumentar credibilidade Rádio mantém sua presença pelo Brasil Pesquisa revela que 32% das pessoas prestam atenção sempre ou quase sempre à publicidade veiculada no rádio 4 dicas para descomplicar um plano de mídia all-line Agora é tudo all-line. Confira quatro dicas da equipe boo-box/ftpi para descomplicar a construção de um plano de mídia Sinais de recuperação no varejo surgem após quatro anos Setor cresce 3,1% com a ajuda do e-commerce Veja mais
FTPI
FTPI São Paulo (11) 2178-8700
FTPI Brasília (61) 3035-3750
FTPI Rio de Janeiro (21) 3852-1588
FTPI Nordeste (81) 2128-4350
FTPI Belo Horizonte (31) 2105-3609
FTPI Curitiba (41) 3026-4100
FTPI Campinas (19) 3296-6224
FTPI Porto Alegre (51) 3231-5222
Compartilhe
web by Citrus7 2017 | © Todos os direitos reservados