13Mai/11

Mulheres são maioria na conquista de emprego

O percentual de mulheres que ingressaram no mercado de trabalho em 2010 foi maior do que o de homens, segundo pesquisa divulgada pelo Ministério do Trabalho. A alta no período foi de 7,28% para elas e de 6,7% para eles. Mesmo assim, o segundo grupo continua sendo maioria.

Enquanto o número de trabalhadores passou de 24,13 milhões (2009) para 25,75 milhões no ano passado, o de trabalhadoras foi de 17,01 milhões para 18,31 milhões. Os homens também continuam recebendo os maiores salários. A remuneração média deles é de R$ 1.876,58, contra R$ 1.553,44 conquistados por elas.

Houve ampliação ainda no número de empregos na faixa etária de 50 a 64 anos e acima dos 65 anos – a criação de postos de trabalho teve elevação de 10,28% e 12,77%, respectivamente. Há oito anos, a faixa representava 16,7% da força de trabalho; o percentual subiu para 21,8% na média do primeiro trimestre de 2011.

O Norte e o Nordeste foram as regiões do país que mais geraram empregos. O Nordeste teve um crescimento de 7,93% de postos de trabalho, e o Norte apresentou uma alta de 9,9%. O estudo aponta a construção das usinas Jirau e Santo Antônio como a explicação principal do avanço registrado pelas duas localidades.

A pesquisa também mostrou que o Brasil bateu recorde na criação de emprego formal no ano passado com a geração de 2,861 milhões de vagas. Este é o maior número apurado desde 2007, ano que registrou a oferta de 1,617 milhão de empregos. O número de trabalhadores formais no Brasil é de 44,068 milhões – com a soma dos aposentados e pensionistas, o total alcança 66,747 milhões.

Com informações de Ana Carolina Oliveira do Folha.com.

Últimas notícias do mercado
5 tendências de mídias sociais para ficar ligado em 2018 Entre as plataformas que conectam marcas e consumidores, as mídias sociais estão longe de perder o posto no ano que vem Consumo de TV aumenta 1 hora nos últimos 10 anos Emissoras como TV Diário do Ceará são exemplos de como os conteúdos multiplataformas tem impulsionado o meio Poder dos influenciadores digitais vai além da geração Y Pesquisa revela que quase ¼ dos pais da geração Y são influenciados por personalidades digitais Planejamento de mídia sem fronteiras entre online e off-line Veículos multiplataforma mudam a maneira de pensar o planejamento e compra de mídia em todo o País OOH investe em dados para aumentar sua credibilidade Setor de mídia out of home foi o que mais cresceu neste ano e investe em dados para aumentar credibilidade Veja mais
FTPI
FTPI São Paulo (11) 2178-8700
FTPI Brasília (61) 3035-3750
FTPI Rio de Janeiro (21) 3852-1588
FTPI Nordeste (81) 2128-4350
FTPI Belo Horizonte (31) 2105-3609
FTPI Curitiba (41) 3026-4100
FTPI Campinas (19) 3296-6224
FTPI Porto Alegre (51) 3231-5222
Compartilhe
web by Citrus7 2017 | © Todos os direitos reservados