06Ago/09

MPF pode restringir publicidade de bebidas alcoólicas

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Sul entrou com uma ação na Justiça para que a União e a Anvisa restrinjam a publicidade de todas as bebidas com teor alcoólico igual ou superior a 0,5 grau, entre elas cerveja e vinho.

Segundo o site Consultor Jurídico, os procuradores da República Ana Paula Carvalho de Medeiros e Paulo Gilberto Cogo Leivas são os signatários da Ação Civil Pública. De acordo com eles eles, o objetivo é proteger a saúde das crianças e adolescentes.

O Ministério Público defende que as veiculações de propagandas de bebidas alcoólicas nas emissoras de rádio e televisão sejam restritas das 21h e às 6h. A solicitação inclui ainda que até às 23h, esse tipo de anúncio seja exibido somente entre programas não recomendadas para menores de 18 anos.

A petição de quase 100 páginas sugere que as propagandas não associem bebidas alcoólicas ao esporte olímpico ou de competição, ao desempenho saudável de qualquer atividade, à condução de veículos e a imagens ou ideias de maior êxito ou à sexualidade das pessoas.

A base de trabalho dos procuradores são pesquisas feitas por entidades nacionais e internacionais contrárias ao consumo de bebida alcoólica. De acordo com eles, há evidências científicas de que a propaganda estimula o consumo precoce de bebidas e que, no Brasil, a exposição de adolescentes a esse tipo de publicidade é muito alta.

Últimas notícias do mercado
Planejamento de mídia sem fronteiras entre online e off-line Veículos multiplataforma mudam a maneira de pensar o planejamento e compra de mídia em todo o País OOH investe em dados para aumentar sua credibilidade Setor de mídia out of home foi o que mais cresceu neste ano e investe em dados para aumentar credibilidade Rádio mantém sua presença pelo Brasil Pesquisa revela que 32% das pessoas prestam atenção sempre ou quase sempre à publicidade veiculada no rádio 4 dicas para descomplicar um plano de mídia all-line Agora é tudo all-line. Confira quatro dicas da equipe boo-box/ftpi para descomplicar a construção de um plano de mídia Sinais de recuperação no varejo surgem após quatro anos Setor cresce 3,1% com a ajuda do e-commerce Veja mais
FTPI
FTPI São Paulo (11) 2178-8700
FTPI Brasília (61) 3035-3750
FTPI Rio de Janeiro (21) 3852-1588
FTPI Nordeste (81) 2128-4350
FTPI Belo Horizonte (31) 2105-3609
FTPI Curitiba (41) 3026-4100
FTPI Campinas (19) 3296-6224
FTPI Porto Alegre (51) 3231-5222
Compartilhe
web by Citrus7 2017 | © Todos os direitos reservados