12Jan/11

Demanda do consumidor por crédito bate recorde

A demanda do consumidor por crédito cresceu 16,4% em 2010 em comparação com 2009, levando o indicador ao recorde desde janeiro de 2007, segundo levantamento da Serasa Experian.

Anteriormente, o maior resultado havia sido de 2008, quando a alta chegou a 6,4% na comparação com o ano anterior.

De acordo com os economistas da Serasa, a expansão aconteceu em razão das condições favoráveis de crédito às pessoas físicas, ao alto grau de confiança dos consumidores e ao bom momento vivido pelo mercado de trabalho.

Para 2011, no entanto, a expectativa é de desaceleração, graças ao aumento dos compulsórios e à possibilidade de aumentos nas taxas de juros já a partir deste trimestre.

Ainda segundo a Serasa, os consumidores com menores rendimentos mensais foram os que puxaram a alta da procura por crédito em 2010. O avanço foi de 46,3% para aqueles cujo rendimento mensal situa-se abaixo de R$ 500.

“A queda na informalidade no mercado de trabalho em 2010 beneficiou, acima de tudo, os indivíduos de baixa renda que passaram a tiveram de maior acesso ao mercado de crédito”, disse a Serasa em comunicado.

As demais faixas de rendimento pessoal mensal também apresentaram elevações em suas demandas por crédito no ano passado, variando entre 10,6% (entre R$ 1.000 e R$ 2.000 mensais) e 27,9% (entre R$ 5.000 e R$ 10.000 mensais).

Na análise segmentada por região do país, o estudo mostra que as maiores altas na procura por crédito ocorreram nas regiões Nordeste (17,7%) e também na Sudeste (17,4%). Nas demais, o avanço acumulado no ano variou entre 13,5% (Norte) e 15,2% (Centro-Oeste). No Sul, ficou em 14,1%.

Com informações da Folha.com

Últimas notícias do mercado
Ativação do consumo no varejo cresce no Dia dos Pais Incertezas no cenário político não impediram o aumento de 10% nas vendas online TV está presente em 97% das casas dos brasileiros Online aumenta penetração de mercado, mas mídias tradicionais seguem líderes quando se trata de consumo de notícias Setor nacional de beleza masculina deve superar os EUA Mantendo o ritmo de 7,1% anualmente, o Brasil pode ser o maior mercado do mundo em 2018 60% dos brasileiros acreditam na mídia nacional, diz estudo Pesquisa coloca o Brasil em segundo lugar no índice de confiança do público nos meios de comunicação Mercado nacional de mídia deve crescer 4,6% ao ano até 2021 O segmento deve movimentar US$ 13 bi em publicidade no mundo, segundo a PwC Veja mais
FTPI
FTPI São Paulo (11) 2178-8700
FTPI Brasília (61) 3035-3750
FTPI Rio de Janeiro (21) 3852-1588
FTPI Nordeste (81) 2128-4350
FTPI Belo Horizonte (31) 2105-3609
FTPI Curitiba (41) 3026-4100
FTPI Campinas (19) 3296-6224
FTPI Porto Alegre (51) 3231-5222
Compartilhe
web by Citrus7 2017 | © Todos os direitos reservados