17Out/11

Brasil é o 3º país que mais envia spams

No 3º trimestre de 2011, o Brasil teve aumento de 1,61% no envio de spams, se comparado ao 2º trimestre do ano. O crescimento do envio de mensagens indesejadas faz o país ocupar o 3ª lugar entre as nações que mais enviam spams do mundo, segundo levantamento da “AVG Community Powered Threat”, empresa da República Tcheca que desenvolve antivírus.

De abril a junho deste ano, o Brasil era responsável pelo envio de 3,8% dos spams no mundo. De julho a setembro, esse número saltou para 5,41%. Atualmente, o Brasil só perde para os Estados Unidos, que envia 35,11% dos spams, e da Índia, responsável por 5,48%, de acordo com o estudo.

O inglês é o idioma predominante nas mensagens (68,45%). Já a língua portuguesa, que é a 6ª mais falada no mundo, é a 3ª mais usada nos spams, ou seja, em 2,27%. Em segundo lugar, a AVG afirma que 18,56% das mensagens dispensáveis foram enviadas em idiomas desconhecidos – provavelmente, configuradas como fruto de más traduções, que misturam vários idiomas.

Sobre os domínios mais usados pelos spammers, muitos são de serviços famosos de e-mail. O mais usado é o Hotmail (da Microsoft) com 3,54%. O Gmail (do Google) tem 0,5% e o Facebook.com também. O encurtador mais usado por usuários desta prática é o bit.ly.

Com informações do UOL.

Últimas notícias do mercado
Planejamento de mídia sem fronteiras entre online e off-line Veículos multiplataforma mudam a maneira de pensar o planejamento e compra de mídia em todo o País OOH investe em dados para aumentar sua credibilidade Setor de mídia out of home foi o que mais cresceu neste ano e investe em dados para aumentar credibilidade Rádio mantém sua presença pelo Brasil Pesquisa revela que 32% das pessoas prestam atenção sempre ou quase sempre à publicidade veiculada no rádio 4 dicas para descomplicar um plano de mídia all-line Agora é tudo all-line. Confira quatro dicas da equipe boo-box/ftpi para descomplicar a construção de um plano de mídia Sinais de recuperação no varejo surgem após quatro anos Setor cresce 3,1% com a ajuda do e-commerce Veja mais
FTPI
FTPI São Paulo (11) 2178-8700
FTPI Brasília (61) 3035-3750
FTPI Rio de Janeiro (21) 3852-1588
FTPI Nordeste (81) 2128-4350
FTPI Belo Horizonte (31) 2105-3609
FTPI Curitiba (41) 3026-4100
FTPI Campinas (19) 3296-6224
FTPI Porto Alegre (51) 3231-5222
Compartilhe
web by Citrus7 2017 | © Todos os direitos reservados